Blog

Youtube: aplicativo líder em faturamento

O avanço tecnológico no mundo dos aplicativos tem contribuído para um cenário avassalador quando o assunto são dispositivos eletrônicos. Estar conectado e a par de todo esse avanço é quase que um pré-requisito necessário para conviver na atual sociedade.

Uma grande prova disso é que, nos últimos 12 meses, a receita mundial de aplicativos para smartphones cresceu 22.9%, alcançando os incríveis 22 bilhões de dólares, de acordo com os dados fornecidos pela consultoria americana Sensor Tower, responsável por monitorar o setor. 

Além disso, o cresceu também o tempo que os usuários passam nos aplicativos, chegando aos 40% nos últimos meses. Com esse aumento, os usuários chegaram a passar um total de quase 325 bilhões de horas, aproximadamente 37 milhões de anos, números que espelham, de forma clara, um significativo crescimento.

Vale mencionar, ainda, que as informações são referentes ao terceiro trimestre do ano de 2019, e em comparação ao mesmo período do ano passado. Dentre os inúmeros aplicativos que mereceram destaque, um deles merece menção especial por ter sido líder em faturamento no período mencionado: o Youtube. ]

Para aproveitar o Youtube ao máximo onde e quando quiser, você precisará de um plano de celular com velocidade e capacidade! Conheça o Maistim.com.br e contrate planos agora mesmo!

O Youtube e a liderança no faturamento

Até um tempo, vivendo apenas no mundo da web, logo que o Youtube iniciou seu funcionamento na categoria dos aplicativos passou a ser um dos queridinhos dos usuários da rede. Ter o que já era bom, literalmente, na palma das mãos, talves tenha feito do Youtube um dos aplicativos com maior destaque nesse mercado. 

Grande prova disso é que o YouTube foi considerado o aplicativo de vídeos que mais faturou a nível mundial pelo segundo trimestre consecutivo de 2019.  Conforme relatório divulgado pela Sensor Tower, empresa responsável pelo monitoramento de aplicativos, a plataforma gerou cerca de 138 milhões de dólares em três meses, o que significa um incrível crescimento anual de 220%. 

No ranking dos países que mais contribuíram para essa significativa arrecadação estão os Estados Unidos que representam o percentual de 70% dos usuários, seguido pelo Japão, com 7% e, posteriormente, o Reino Unido, com 4%. Além disso, foi constatado que o app teve um desempenho expressivo na App Store.

Os demais aplicativos que mais faturaram

Logo depois do Youtube, outros aplicativos também tiveram destaque quando o assunto é rentabilidade.

Em segundo lugar dessa lista, aparece o Kwai, que obteve nada menos que 78 milhões de dólares em receita bruta e um crescimento de quase 60% em relação ao segundo trimestre de 2018. 

Como já esperado, o desempenho econômico alcançado pelo app de vídeo é graças ao intenso volume de acessos da China que representa praticamente sua totalidade, ou seja,  99%. 

Em terceiro lugar, se observa o aplicativo TikTok que subiu uma posição quando comparado ao primeiro trimestre de 2019 e, atualmente.

Aos olhos de um bom observador, talvez, se perceba a ausência de um dos aplicativos queridinhos da atualidade: o Netflix. A plataforma de streaming não aparece na sequência citada, porque, neste ano, a companhia de análise não incluiu a Netflix no ranking de apps de vídeo. Tal aplicativo já demonstrou que um grande número de usuários, porque no ano de 2018, por exemplo, ficou em primeiro lugar, na categoria de aplicativos com o maior faturamento mundial da categoria.

O ranking divulgado pela Sensor Tower foi baseado nos dados de receita obtidos via lojas como App Store e Play Store. Nesse caso, a avaliação levou em conta o período de 1 de abril de 2018 a 30 de junho de 2019, e não inclui arrecadações obtidas em outras lojas de apps que estão disponíveis para Android.